Twitter Facebook Orkut Rss

Tradutor

Homem morre eletrocutado após choque elétrico (CARNAVAL)

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Homem morre eletrocutado após choque elétrico do "Me Abraça", em Salvador

Situação ocorreu na manhã desta terça-feira (12), no bairro de Ondina. Vítima caiu entre o chão e a carreta depois do choque. Causa é investigada.

Um homem morreu após ser atingido por descarga elétrica em cima do trio elétrico do bloco Me Abraça nesta terça-feira (12) pela manhã, em Salvador, de acordo com a Agência de Comunicação (Agecom) da Prefeitura. O trio é da banda Asa de Águia, que desfila por volta das 18h, no horário da Bahia, no circuito Dodô.

Segundo as primeiras informações, ele estava sem equipamento de segurança e foi atingido por um fio de alta tensão na passagem do veículo pela Adhemar de Barros, em Ondina, local onde os trios se deslocam até a avenida do carnaval. A vítima tinha 22 anos.
A Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) informou que o homem chegou a cair entre o trio e a carreta após o choque elétrico. Por isso, a causa da morte só será constatada com a conclusão da perícia. O Samu chegou a socorrer da vítima do local. No boletim de ocorrência, há a indicação que ele sofreu um trauma cervical por conta da queda, segundo a SSP.
A assessoria de imprensa do Asa de Águia disse que ainda apura detalhes do caso e que, até o momento, sabe que a vítima não era funcionária da banda. O trio elétrico foi liberado após perícia do Departamento de Polícia Técnica (DPT), informou a assessoria. Em nota, a banda disse que está "consternada" com a fatalidade e que presta assistência à vítima e à família dela.
A Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) enviou técnicos ao local para apurar a situação.
Confira íntegra da nota do Asa de Águia:
Ainda consternada com o ocorrido, a família Asa de Águia vem a público solidarizar-se com os parentes e amigos de Erisvaldo Max de Carvalho Santana, 22 anos, que faleceu na manhã desta terça-feira (12). Neste momento de dor, estamos prestando a assistência mais imediata aos familiares, fazendo inclusive o acompanhamento das investigações e apuração dos fatos pelas autoridades competentes.
FONTE: G1
POSTADO POR: Lana

0 comentários:

Postar um comentário